Social Icons

twitterfacebookShalomvaticanorss feedemail

13 de agosto de 2010

A C R E D I T O !




Pode parecer fora de moda, piegas ou até “romântico”, mas eu acredito em um amor para a vida toda, na amizade verdadeira e que o mundo pode ser melhor. Acredito na bondade, na gentileza e no poder da sinceridade. Acredito que é sempre melhor falar a verdade e que pedir sempre é melhor do que brigar. Acredito na força de uma palavra sábia e de um carinho terno. Acredito nas pequenas coisas. Acredito na castidade, na virgindade antes do casamento e acredito que quem ama, sabe sim esperar. Acredito na paciência, na educação e no respeito ao diferente. Acredito que ainda tem gente honesta, do tipo que devolve dinheiro encontrado na rua e que não fica com o troco errado. Acredito que Deus escuta minhas orações e não está distante, como dizem. Acredito que um pouco de cuidado e atenção quebram um coração duro e desarmam uma cara feia. Acredito no perdão como cura de um bocado de males e que misericórdia e mansidão não enfraquecem ninguém. Acredito em quem sonha e não acho ridículo ter projetos “maiores” do que nós. Mas também acredito em quem sonha com os pés no chão, arregaça as mangas e vai lutar. Acredito na humildade e no silencio. Acredito na fidelidade. Acredito que a vida nunca pode ser tirada de ninguém, em qualquer situação que seja... Nada justifica! Acredito na solidariedade e que ainda tem gente que pensa mais nos outros do que em si (é raro, mas tem!). Acredito na família, santuário da vida. Acredito no Papa e acredito em milagres. Acredito e confio em Maria. Acredito em anjo da guarda e sei que o meu trabalha e muito! Acredito que só Deus basta. Acredito que nem o tempo e nem a dor podem roubar aquilo que somos. Acredito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

- Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade de seus autores e as consequências derivadas deles podem ser passíveis de sanções legais.
- O usuário que incluir em suas mensagens algum comentário que viole o regulamento será eliminado e inabilitado para voltar a comentar.