Social Icons

twitterfacebookShalomvaticanorss feedemail

27 de fevereiro de 2014

Voltar


Voltar sempre exige mais. Pois a estrada já é conhecida, memória nos passos que pisaram o chão do coração. Retorno de quem se desencontrou no caminho e teve que reconhecer, crescer, vencer, perder, reescrever. Mudar de direção o coração, mudar de sentido a razão, geralmente, os passos seguem o que transcende o caminhar. Mas o melhor do retorno é ter para onde voltar. Voltar para quem te devolve, voltar para quem te espera, voltar para quem nunca desistiu quando houve a partida. Movimento corriqueiro de corações quebrantados, que desistiram da presunção de sempre conseguir. Voltar é superar o orgulho dos encontrados, é recuar para ir mais longe, é perceber-se fraco e pedir ajuda, é reaprender a lógica da humildade. Voltar é ser gente, é sentir, é sofrer, é pensar com um coração de carne e com uma alma sedenta de Infinito. Voltar é descobrir que ainda há tempo, mesmo que o tempo tenha mudado, porque voltar é dinâmica própria de quem sabe que é amado. Voltar é assumir que foi tocado pela Misericórdia e que recebeu tudo sem nada merecer. Voltar é dor do perdão assumida, do constrangimento de precisar de novo, mais uma vez, novamente, pela milésima vez. Voltar é redescobrir a força da vontade firme, salva e redimida. Voltar é usar a liberdade para prender-se a um Amor sem fim. Voltar é dar uma nova chance a si. Voltar é reencontrar a Paz em um abraço.

2 comentários:

  1. Obrigada!Sou eu mesma a autora! A maioria dos textos do blog são autorais! Shalom!

    ResponderExcluir

- Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade de seus autores e as consequências derivadas deles podem ser passíveis de sanções legais.
- O usuário que incluir em suas mensagens algum comentário que viole o regulamento será eliminado e inabilitado para voltar a comentar.